Informação

Este blog tem a modesta pretensão de divulgar somente orações CATÓLICAS, conforme a Santa Tradição da Igreja. Pedimos a caridade de nos informar eventual erro de digitação e/ou tradução, ou link quebrado (vejam o formulário no menu lateral). Gratos.

Pedido

"Aproveitemos o tempo para santificação nossa e dos nossos parentes e amigos. Solicitam orações, que estaremos rezando juntos, em união de orações aos Sagrados Corações."

.


"Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco. Bendita sois vós entre as mulheres, e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora da nossa morte. Amém."

sábado, 3 de novembro de 2012

VISITAS AO SSº. SACRAMENTO E A MARIA SSª III

VISITAS AO SANTISSIMO SACRAMENTO E A MARIA SANTISSIMA PARA TODOS OS DIAS DO MEZ.

ACTOS DE PREPARAÇÃO E DE ACÇÃO DE GRAÇAS PARA A SAGRADA COMUNHÃO.
MODO DE REZAR A COROA DAS DORES DE NOSSA SENHORA, E ACTOS QUE DEVE FAZER O CHRISTÃO TODOS OS DIAS.
LINDA EDIÇÃO DE NOVAS ORAÇÕES, E A NOVENA AO SANTISSIMO, E DEVOÇÕES A NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO DA ROCHA
.



VISITA III.

Ali está o nosso Jesus, que não se satisfazendo com dar a vida por nosso amor, quiz tambem depois da morte ficar comnosco no SS. Sacramento, declarando que entre os homens achava elle as suas delicias. Oh homem! (exclama Santa Thereza) como podeis offender a um Deus, o qual diz que entre vós tem as suas delicias? Jesus tem as suas delicias em estar comnosco, e nós não as teremos em estar com Jesus? Nós a quem é concedida a honra de habitar no seu palacio? Ah! E como se tem por honrados aquelles vassallos, a quem o Rei dá lugar em palacio! Pois eis-aqui o palacio do Rei: esta é a casa onde habitamos com Jesu Christo: saibamos ser-lhe agradecidos; e fallemos-lhe com amor e confiança. Aqui me tendes, meu Deus, e meu Senhor, diante desse altar, onde vós estais de dia, e de noite, por amor de mim: vós sois a fonte de todo o bem; vós o Medico de todo o mal, vós o thesouro dos pobres: pois aqui tendes hoje aos vossos pés um peccador, entre todos o mais pobre e o mais enfermo, que vos pede misericordia: tende, Senhor, compaixão de mim. Grande é a minha miseria; mas eu não quero desanimar, vendo que nesse Sacramento desceis todos os dias do Ceo á terra, só para me fazerdes bem. Eu vos adoro, eu vos louvo, eu vos amo; e se quereis que vos peça alguma esmola, peço-vos esta: ouvi-me. Senhor: eu não desejo offender-vos mais, e quero que me deis luz, e graça para amar-vos com todas as minhas forças. Senhor, eu vos amo com toda a minha alma: amo-vos com todos os affectos do meu coração: fazei vós que eu o diga devéras, e o diga sempre nesta vida, e por toda a eternidade. Maria Santissima, Santos meus advogados, Anjos, e Bemaventurados todos, ajudai-me a amar a Deus amabilissimo.


Minha vontade:

    Minha vontade está prompta
    Para seguir-vos, Senhor,
    Sejão firmes meus desejos,
    Seja firme o meu amor.

    Quem me déra estar seguro
    De nunca mais offender-vos;
    Meu Deus, quem me déra ser
    O maior de vossos servos.

    Meu coração vos pertence,
    Meu adoravel Senhor,
    Prendei-o bem preso ao vosso
    Com prisões de puro amor.

    Governai, meu bom Jesus,
    Governai meu coração,
    Não consintais que nelle entre
    A menor imperfeição.

    Que mais póde appetecer
    Um verdadeiro Christão,
    Do que amar sempre seu Deus
    Com todo o seu coração?

    Bemdito e louvado seja
    O meu Jesus adorado,
    Bemdito seja para sempre
    O meu Deus Sacramentado.



A Communhão Espiritual:

     Meu Jesus, creio que vós estais no SS. Sacramento: amo-vos sobre todas as cousas, e vos desejo receber agora dentro na minha alma: já que não posso receber-vos sacramentalmente, vinde ao menos espiritualmente ao meu coração; e como vos tivera já recebido, eu vos abraço, e me uno todo a vós. Ah! Senhor, não permittais que eu jámais de vós me aparte.

    Ou mais breve: Creio, meu Jesus, que estais no SS. Sacramento: amo-vos, e desejo muito receber-vos, vinde ao meu coração: eu vos abraço; não vos ausenteis de mim.



VISITA III. A Maria Santíssima.

Ó minha Senhora, que sois, a maior consolação, que recebo de Deus; vós, que sois o celestial allivio, que dais refrigerio ás minhas penas; vós, que sois a luz da minha alma, quando ella se vê rodeada de trevas; vós que sois nas minhas viagens a minha guia, a minha fortaleza nos meus desalentos, o meu thesouro na minha pobreza, a minha medicina nas minhas enfermidades, nas minhas lagrimas a minha consolação: vós, que sois o refugio das minhas miserias, e depois de Jesu Christo a esperança da minha salvação, despachai as minhas súpplicas, tende piedade de mim, como convem á Mãe de um Deus, que tanto amor tem aos homens: concedei-me quanto vos peço, ó clemente, ó piedosa, ó doce Virgem Maria.

Virgem Soberana:

    Virgem Soberana, eu vos rogo
    Sejais minha valedora;
    Se Deus me não tem ouvido,
    Fallai-lhe por mim nest'hora.
    Sois minha Mãe, a esses braços
    Eu corro e me vou lançar;
    Ainda que ingrato, sou filho,
    E não me haveis de espancar.
    De Deus tambem vós sois Mãe,
    Pedi-lhe que me perdoe;
    Dizei-lhe veja o meu peito,
    Que já se arrepende, e doe.
    Mettei no Divino Lado
    A vossa poderosa mão;
    Tirai enchentes de graças
    Dentro do seu coração.
    Na minha alma as entornai,
    De impura fique innocente;
    E da mais pura mancha
    Fique limpa de repente.
    De tibia e frouxa se torne
    Extremosa e vigilante:
    De ingrata e rebelde seja
    Desde hoje terna e constante.
    Para gloria do vosso nome,
    Por tão subidos favores,
    Mandarei do Ceo e terra,
    Agradecidos clamores.
  



ÍNDICE

*
*
*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é eminentemente de caráter religioso e comentários que ofendam os princípios da fé católica não serão admitidos. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se garantem o direito de censurar.

.