Informação

Este blog tem a modesta pretensão de divulgar somente orações CATÓLICAS, conforme a Santa Tradição da Igreja. Pedimos a caridade de nos informar eventual erro de digitação e/ou tradução, ou link quebrado (vejam o formulário no menu lateral). Gratos.

Pedido

"Aproveitemos o tempo para santificação nossa e dos nossos parentes e amigos. Solicitam orações, que estaremos rezando juntos, em união de orações aos Sagrados Corações."

.


"Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco. Bendita sois vós entre as mulheres, e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora da nossa morte. Amém."

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Dez minutos diante da imagem de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Meu, filho, se tu soubesses o bem que te quer a Providência, conduzindo-te à minha presença! Eu sou tua Mãe e possuo imensos tesouros, com ardentíssimo desejo de reparti-los contigo. Alegra-te pois, anima-te. Que tens? Não me pareces cheio daquela alegria que tanto me apraz! Que fronte não se serena ante mim? Ah! Acorda o teu fervor, acende o teu zelo... Por que me queres mortificar não te mostrando radiante de alegria a meus pés?

Por mais graves que sejam as angústias de um pobre enfermo, ele se enche de alegrias assim que vê ao seu lado um médico que pode curá-lo... Meu filho, Eu sou o remédio de todos os males. No meio de uma borrasca os passageiros nada temem, quando têm um afoito piloto, que os tranquiliza... Por maiores que sejam os teus perigos, que temes tu, se eu navego na tua barquinha?

Mas quero que me fales das tuas enfermidades, se queres que eu seja a tua saúde; quero que me mostres os teus perigos, se desejar que te livre deles. Tem confiança em mim, ó meu filho; o meu coração abre-se para aqueles que se lançam nos meus braços, como tu em criancinha fazias com tua mãe.

Eu sou toda suavidade e doçura; chamo-me a Mãe do Perpétuo Socorro. Nunca ninguém se arrependeu de me ter comunicado os seus segredos, de me ter contado as suas desventuras, de me ter descoberto as suas chagas, de me ter revelado a sua pobreza.

Lembra-se que, nas bodas de Canaã, o meu Coração não pôde resistir aquela nuvem de confusão, que pela falta de vinho, estava a cair sobre os dois esposos...  E queres que não me enterneça na presença de negócios de maior importância? Abre-me o teu coração e deixa-te cobrir de benefícios por quem te ama.

Bem sei que vives num mundo que se tem tornado um covil de feras cruéis, que de noite e de dia armam ciladas... bem sei que as tuas paixões são vivas e ardentes, que muitas vezes te deixas iludir e cometes faltas de fidelidade ao meu Filho... mas eis-me aqui; estou pronta a ajudar-te, contanto que estejas pronto a receber os meus dons.

Mostra-me a tua mente.. Oh! Para que esses pensamentos de orgulho, de Inveja, de vaidade, de carne!... Dá-me a tua inteligência e a purificarei como ouro.

Abre-me o teu coração... De certo te atemorizas? Para que tanta indocilidade? Coragem! Ah! pobre coração! Quanto afetos o dilaceraram!... quanto pó o avilta!... quantas sombras o obscurecem!... quantas chagas o cobrem!... Dá-mo... o meu Jesus deposita em minhas mãos o seu Coração e tu hás-de duvidar fazê-lo? Elege-me, querido filho, Rainha do teu coração, e o verás mudado numa fonte de felicidade para ti.

Diz-me agora: como regulas o teu exterior? como velas sobre as tuas palavras? como guardas os teus ouvidos?... como te regulas em toda a tua pessoa?... Essa vergonha que sentes no interior é uma resposta eloquentíssima...

Não desanimes, meu filho; se o teu interior estiver nas minhas mãos, o teu exterior se tornará santo e precioso. Prometes-me pôr mães a obra? Que respondes? Ah! Não me dês uma negativa, que para mim seria muito amarga! Não queiras aviltar-te... Eu estarei sempre contigo...farei planos todos os teus caminhos, tornarei fácil o que é difícil. Coragem, meu bravo, levanta-te e caminha comigo pelas nobre sendas da virtude cristã.

Filho, volta muitas vezes a meus pés...enamora-te das minha lições, deixa-te guiar por mim, e nunca mais acontecerá que ponhas o pé em falso e que percas o reino dos céus.

+
Informe aqui o seu email, para receber nossas publicações:


Delivered by FeedBurner

Um comentário:

Daniel gurgel serpa disse...

Feliz em ter conhecido essa oração.
Obrigado Mãe!

Postar um comentário

Este blog é eminentemente de caráter religioso e comentários que ofendam os princípios da fé católica não serão admitidos. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se garantem o direito de censurar.

.